terça-feira, 10 de julho de 2012

Um sonho...

Não me acorde

Um dia acordei dentro de um sonho
Do qual não quero sair mais
Foi diferente,mas hoje não estranho
Pois sei todo o bem que me faz

Pensei já conhecer o que sinto

E a vida veio me provar que não
Sei que o coração age por instinto
E acelera toda vez que pego na sua mão

Perco sempre a noção do tempo
Quando vejo esses teus olhos brilhantes
Que me amaram antes mesmo do beijo
Transformando em eterno um simples instante

Teu sorriso cintilante me contagia
E faz-me crer que a vida pode ser melhor
Sem ser necessária uma grande magia
Para mudar um rumo que parecia certo

Peço-te,não deixe eu acordar
E não deixe que eu te acorde
Dizem que pra viver não basta sonhar

Mas viver um sonho,nada nos impede.


                          Pra ti amor meu,um mês de namoro,que venham muitos mais...Amo-te!






quinta-feira, 10 de maio de 2012

Falando de rosas...




Tem um ditado que diz que quanto mais bonita uma rosa é,mais espinhos ela tem,pois é uma verdade da vida isso,quanto mais bonita uma pessoa é,seja em aparência,ou em seu caráter ,mais difícil é alcança-la,mais difícil é chegar perto para admirar,sem se espinhar um pouco digamos.
 Assim como as rosas,as pessoas as vezes nascem sem quase nada de espinhos e nem por isso deixam de ser lindas,são tão belas quanto aquelas convencionais,mas a falta de espinhos as tornam diferentes,especiais.

A primeira vista por se tratar de rosa,mesmo que nos digam "pode pegar não tem espinhos",vamos com todo cuidado,porque o normal é sentir os espinhos quando as tocamos,somente depois de tocar e não sentir um espinho sequer é que relaxamos para admirar e sentir o perfume daquela bela flor. Assim é tudo na vida,aprendemos a valorizar tudo que demoramos,ou temos que lutar bravamente por meses,ou anos para conquistar,entretanto esquecemos muitas vezes que o que vem mais fácil,também é tão lindo quanto o que chega difícil.
Aprendi muito nos anos que já passaram a valorizar tudo que chega na minha vida,com muito esforço,ou que caiu no meu colo sem aviso,quando falamos de conquistas e sentimentos,essa lição ajuda a aprender,a não sofrer por coisa pouca,aprende a ver tudo que envolve,ensina a valorizar tudo de bom que recebemos dos outros e até de nós mesmos.

Eu nos últimos meses conheci esse tipo de rosa sem espinhos e como descrevi acima fui com todo cuidado,com medo de me espinhar,mas hoje posso dizer que estou muito feliz por ter essa pessoa em minha vida,diferente e especial como ela é,sem espinhos,mas linda por dentro e por fora,hoje é o dia dela,parabéns minha guriazinha,que tudo nessa vida de bom venha em dobro pra ti...Amo-te!


 

 P.S.:Espero que goste da segunda parte quando chegar...

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Palavras ao léu... (1ª edição)

"E essas pessoas que mal começam a namorar e já marcam casamento? Será que eu sou o fora de moda e acho isso meio louco?" Vejo no "status" namorando,aí dois,três meses depois já vejo um novo álbum chamado: Noivado,ou Chá de panela.Tá fácil de ver que a pessoa certa foi encontrada em?Sempre achei que levasse tempo para aprender a conviver,lidar com defeitos e manias,mas pelo que tenho visto,tá fácil superar isso tudo e resolver casar,morar junto,a grande maioria tem feito isso.Será eu,o ultrapassado?O conservador?O cara que pensa que em meses não se conhece uma pessoa o suficiente pra dividir de fato sua vida?Sinceramente,acho que devo ser esse mesmo.


"Religião.Futebol,Politica e opção Sexual não se discutem,tudo bem,porém o que tem de coisa que não da pra se entender,PQP!" O que leva alguém trocar de preferência,crença ou de gosto depois de uma certa idade?Religião numa situação de desespero,já vi muita gente trocar,como se mudasse alguma coisa,não interessa em que tu crê e sim no quanto você crê,como diz uma passagem da bíblia de Marcos:Se tu podes crer,tudo é possível ao que crê",isso vale para qualquer crença,posso crer que minha cama é milagrosa,se eu crer de verdade é bem provável que ela faça um mesmo,ao meu ver é claro,pois sou eu que creio nisso.Em resumo qualquer religião é a mesma coisa,a essência é a mesma,mas se a quem chamamos de Deus nos deu inteligência para criar o cinema 3D,é porque quer que sejamos livres de pensamento,então porque ele diria para seguirmos certos dogmas de religiões?

Por que amo meu time?Porque é meu time.Por que não troco?Porque me identifico com ele,me vejo nele,e isso vale pra qualquer escolha na vida,quem troca de time,religião,ou de opção sexual,é porque nunca se identificou com aquele que era antes,certo?Nem todos acham,entretanto no geral quem tem essas dúvidas é porque em alguma parte da vida reprimiram-o enquanto criava sua personalidade,nunca verás alguém que foi criado para viver a vida como ela é de verdade,com essas dúvidas,certo?Não sei,mas penso assim.











"Palavras ao léu" Será uma coluna semanal,bisemanal,ou mensal,em que pegarei citações minhas no twiiter que sejam merecedoras de uma maior discussão,falando nisso sigam lá: @willianquevedo.Até!




sábado, 31 de dezembro de 2011

Feliz 2012

Bom pessoal,mais um ano chega ao fim,um ano que me trouxe algumas alegrias,muito aprendizado,crescimento e claro algumas tristezas também,entretanto um ano que serviu para fortalecer e ter novas amizades.Em geral no balanço do ano,foi um ano positivo,comparado aos anteriores,foi disparado o melhor.Agradeço a todos que acompanharam o blog,mesmo que esteja meio abandonado pela falta de tempo,aos meus amigos,minha família e todos as pessoas que passaram por minha vida esse ano,que acrescentaram alguma coisa boa.Que 2012 traga muitas coisas boas para todos,que possamos crescer cada vez mais,Feliz Ano Novo.




Willian Quevedo


No vídeo desse ano,resolvi fazer uma espécie de retrospectiva da minha vida,não tá perfeito,mas espero que gostem.

domingo, 18 de dezembro de 2011

Medos Contínuos (Reedição)

Existem coisas que te acompanham por toda a vida,desde tua infância até o dia em que morreremos,tanto coisas bobas,como coisas sérias.Sempre tem algo que não desaparece dos nossos pensamentos conforme vamos crescendo,podem ser coisas sobre algum assunto que nossos pais falavam muito quando eramos pequenos,que toda vez que ouvimos falar novamente acabamos automaticamente lembrando do que eles nos falavam.Pode ser algo que vimos em algum lugar,que sempre ao passar novamente pelo mesmo local, acabamos por lembrar do acontecido,ou simplesmente pode ser algum medo que temos e não conseguimos perder mesmo depois de adultos.

Ter medo,muitas vezes, pode ajudar a criar coragem para enfrentá-lo e perdê-lo,mas muitos desses medos que temos durante a vida ,até conseguimos enfrentar eles diariamente e por ventura controlamos eles,mas perdê-los nunca conseguimos,por que não conseguimos?Sinceramente, não sei,pode ser que precisamos ter esses medos para poder crescer,ou pode ser que na verdade não tenhamos como vencê-los.

Em muitas histórias e momentos da minha vida disse que não conseguiria aquilo que eu tanto desejava por que tinha azar,ou porque eu era meio travado,sempre dei desculpa para não admitir os dois maiores medos que tenho na vida,que são:decepcionar alguém que eu goste de verdade e pensar que estou totalmente sozinho(você pode estar rodeado de pessoas,mas se não sente confiança nelas,é o mesmo que estar sozinho)
Já perdi a conta de quantas vezes deixei passar oportunidades de pelo menos tentar o que eu queria de verdade,por ter medo de assustar alguém importante pra mim por causa de uma ação minha e ver essa pessoa se afastar de mim,por quantas vezes deixei de lado meus sonhos e minhas coisas para poder realizar o das pessoas que considero de verdade.

Carrego isso desde que me entendo por gente,hoje em dia não mais com a mesma intensidade que carregava durante minha adolescência,simplesmente porque hoje já não sofro muita influência dos hormônios,entretanto esses medos ainda me atormentam de vez em quando,quero descobrir se posso vencê-los um dia,ou se irão me acompanhar até o fim.A única coisa que posso fazer é ir enfrentando eles todos os dias,para que nunca me dominem por completo; em outras palavras ta na hora de deixar de ser cagão e enfrentar tudo que vem de frente,lutando sempre pela própria felicidade,porque ninguém vai fazer isso por mim.Porque só assim terei alguma chance de vencer meus medos!





Texto antigo aqui do blog,reeditado porque...bom porque voltou a se encaixar na minha vida.